Glúten – saiba o que este item pode fazer em sua alimentação. Confira!

 

O glúten é uma proteína que pode ser encontrada nos cereais, como no trigo, aveia, cevada, centeio, malte e seus derivados. Na maioria das vezes as pessoas consomem esta proteína em grande quantidade ao longo do dia, pois ela está presente em pães, massas, torradas, bolos, biscoitos e até mesmo na cerveja.

Intolerância a glúten

A doença celíaca é resultado da intolerância ao glúten. Apesar desta doença não atingir todas as pessoas é comum que estes alimentos venham causar problemas no organismo de uma pessoa comum (sem o distúrbio) e como consequência estimular as reações alérgicas.

O glúten é uma proteína de difícil digestão, pois suas moléculas não são reconhecidas pelo corpo, desta forma, durante o processo de digestão o organismo libera anticorpos o que ocasiona os sintomas alérgicos.

Disfunções causadas pelo glúten

As disfunções do glúten pode incluir prisão de ventre, diarreia, gases, estufamento, alteração da saciedade, entre outros, pois o sintoma pode variar de caso para caso. Para situações na qual ocorre uma alergia leve, a pessoa não será diagnosticada como portador da doença celíaca, neste caso o correto é retirar o glúten da dieta, assim é possível melhorar os sintomas, lembrando que o diagnóstico é nutricional e não médico.

Sinais causados pela intolerância ao glúten

Existem alguns sinais que podem facilitar o descobrimento do problema, são eles:

1 – Problemas gástricos

Diarreias, prisão de ventre, produção excessiva de gases, estufamento abdominal e refluxo, são exemplos desse tipo de problema. Neste caso, se ocorrer à intolerância ao consumir, o organismo não consegue digerir a proteína e pode causar estes sintomas.

2 – Enxaqueca

Com o consumo glúten, o organismo fica mais lento devido a dificuldade de eliminar as toxinas, podendo causar dores de cabeça e enxaqueca.

3 – Distúrbios neurológicos e energéticos

Após o consumo, uma pessoa pode sentir cansaço, fadiga, alteração de humor, confusão e até mesmo depressão.

4 – Resistência insulínica e diabetes

O trigo apresenta capacidade de elevar os níveis de glicose no sangue e pode estimular o apetite e promover acúmulo de gordura visceral. Com o ganho de peso, é possível ter uma alteração na sensibilidade à insulina, condição fundamental para o desenvolvimento do diabete.

5 – Ansiedade, compulsão alimentar

As exorfinas derivadas no glúten podem gerar euforia, dependência e estimular o apetite.

Malefícios do glúten

Além de todos os sintomas acima é possível desencadear outros problemas, como o aumento de peso, pois durante a digestão, são liberadas substâncias inflamatórias, que estimulam a formação de gordura. Este alimento também produz colesterol e pode aumentar sua concentração no sangue e acarretar outras complicações.

Lista de alimentos sem glúten

Frutas

Abacaxi Açaí Alfarroba
Ameixa Amora Banana
Caqui Cereja Cranberry
Damasco Figo Framboesa
Goiaba Groselha Kinkan
Kiwi Laranja Lima
Limão Maçã Mamão
Papaia Manga Maracujá
Marmelo Melancia Melão
Meloa Mexerica Mirtilo
Morango Pêra Pêssego
Tâmara Tamarindo Tangerina
Uva

 Verduras

Abacate Abóbor Agrião
Aipo Alcachofra Alfafa
Alga Alho Araruta
Aspargo Batata Beringela
Brócolis Cebola Cenoura
Cogumelos Couve Couve de bruxelas
Couve-flor Ervilha Espinafre
Feijão Feijão verde Milho
Nabo Pepino Pimenta
Quiabo Rabanete Repolho
Rúcula Salsa

 Carnes

Jacaré Cordeiro Vaca 
Vaca Porco Vitela
Búfalo Coelho Ganso
Galinha Cobra Codorna
Pato Peru Cabra

 Ovos, Laticínios e Outros Alimentos

Manteiga (certifique-se de não conter aditivos) Iogurte (puro e sem sabor)  Besan 
Caseína Soro de leite Arroz integral
Queijo Farinha, grãos e trigo Farinha de arroz integral
Creme Farinha de amêndoas Trigo sarraceno
Ovos Amaranto Mandioca
Leite Araruta Farinha de milho
Creme Azedo Farinha de Feijão Fubá
Amido de milho Semente de algodão Semente de linhaça
Milhete Farinha de ervilha Polenta
Pipoca (sem cobertura) Farinha de batata Quinoa
Arroz Sagu Farinha de soja
Farinha de tapioca Farinha de inhame Teff
Levedo Iúca Dal

Lista de alimentos com glúten

Abaixo segue alguns exemplos de alimentos que possuem glúten:

  • Pão, torrada, bolacha, biscoito, massas, bolos,
  • Cerveja, pizza, salgadinhos, cachorro quente, hambúrguer;
  • Gérmen de trigo, triguilho, sêmola de trigo;
  • Queijos, ketchup, maionese, shoyu;
  • Salsicha, temperos industrializados;
  • Cereais, barrinha de cereais, xaropes e alguns remédios.
  • Molhos branco;
  • Sopas desidratadas ou temperos prontos;