Nesse artigo vamos entender  tudo sobre a proteína, porque é a base de diversas dietas pelo mundo, onde encontra-la, quais os tipos e os alimentos que a possuem em abundância.


proteínaO que é?

Proteínas são moléculas orgânicas elas estão em cada uma das células do nosso corpo, existem diversos tipos e cada uma desempenha um papel específico no organismo.

Ela é essencial em nosso corpo para manter a estrutura e garantir as funções celulares. Não poderíamos viver sem, até mesmo a informação genética é expressa pelas proteínas em sua maior parte. É o resultado de uma ligação peptídica, ou seja, a união de dois grupos diferentes de aminoácidos Amino e Carboxila.

Quais os Tipos?

Simples – São o tipo que quando são “quebradas” oferecem apenas aminoácidos ao organismo.

Composta ou conjugada – São as que além de liberarem aminoácidos oferecem ainda um componente químico ao organismo.

Monomérica – Formada por apenas uma cadeia polipeptídica.

Oligomérica – Formada por diversas cadeias polipeptídica, possuem estrutura e função complexa.

Fibrosa – São insolúveis em solventes aquosos e seu peso molecular é bem elevado. São proteínas estruturais como:

  • Colágeno: essencial na formação do tecido conjuntivo.
  • Queratina: encontrada nos cabelos e composta por 21 aminoácidos.
  • Esclerotina: encontrada no tegumento dos artrópodes.
  • Conchiolina: presente nas conchas dos molúsculos.
  • Fibrina: presente no soro sanguíneo.
  • Miosina: encontrada nos músculos.

Globulares – Proteínas mais complexas, são ativas do tipo enzimas e hemoglobina.

Homólogas – Compostas de diferentes segmentos de proteína:

  • Segmentos variáveis, geralmente não participam diretamente da atividade proteica.
  • Segmentos fixos, fundamentais para a ação bioquímica da proteína.

O que são Aminoácidos?

Aminoácidos são moléculas essenciais na formação de proteínas, existem três grupos diferentes de aminoácidos:

Aminoácidos Essenciais – O organismo não produz esse tipo e podemos obtê-lo através da alimentação.

Aminoácidos não Essenciais – Esses são produzidos pelo organismo.

Aminoácidos Condicionalmente Essenciais – Aminoácidos sintetizados á partir de outros aminoácidos.

Suplementos Proteicos

Barras de Proteína – Embora práticas não são bem vindas em muitas dietas possuem proteína, gordura e carboidrato. Não são indicadas para pré ou pós- treino pois ser de lenta absorção.

Whey Protein – É o melhor suplemento para construção muscular. Whey é composto por proteínas isoladas ou hidrolisadas por isso é absorvido rapidamente. Perfeito para pré e pós-treino. Já o whey concentrado possui carboidrato e gordura, preste atenção á formula.

Caseína – Quando dormimos necessitamos de proteína de absorção lenta que a fornece ao organismo a noite toda e impede o processo catabólico. Perfeita para tomar antes de dormir. A caseína micelar é a de absorção mais lenta.

Albumina – De absorção moderada boa para ser consumida no café da manhã e durante o dia, mas não é recomendada para pré ou pós-treino.

Proteína da Carne – Ironicamente pode ser encontrada com diversos sabores de fruta, proveniente da carne vermelha é retirada quase toda a gordura é de absorção rápida e uma alternativa aos intolerantes e alérgicos á lactose.

Proteína Isolada de Soja – Aumenta os níveis de óxido nítrico, libera o hormônio do crescimento e ajuda a na recuperação dos músculos. Recomendada para treino e pós-treino.

Alimentos Ricos em Proteína

Muitos deles são bem conhecidos, mas é sempre bom relembrar quais são os alimentos ricos em proteína:

Proteína Animal

  • Carne;
  • Peixe;
  • Frutos do mar;
  • Ovos;
  • Frango;
  • Carne de porco (magra)
  • Leite e derivados;
  • Peru.

Proteína Vegetal

  • Soja;
  • Arroz e Feijão;
  • Lentilha;
  • Quinoa;
  • Trigo sarraceno;
  • Milho;
  • Amêndoa;
  • Batata doce;
  • Brócolis.

Os alimentos proteicos são essenciais para a boa saúde e possuem sabor agradável, são versáteis e podem ser usados para preparar diversos pratos.