Imagem de capa de comprimidos de chlorella

Ingerir a chlorella diariamente diminui a fome, auxiliando no emagrecimento.

Imagem de comprimidos de chlorella

A chlorella é uma alga esverdeada com quantidade abundante de clorofila. Excelente purificador do organismo, o superalimento tem se tornado popular no mundo inteiro, especialmente nos países asiáticos.

Sua composição é de em média 65% de proteínas, 13% de carboidratos, 9% de gordura e 6% de minerais. Possui as principais vitaminas que o corpo necessita e é utilizada como fonte de elementos primários, muito negligenciados hoje em dia por conta da má alimentação e hábitos nada saudáveis.

Benefícios para a saúde

Retarda o envelhecimento

Rica em beta-caroteno, a alga combate radicais livres e diminui a degeneração das células.

Previne anemia

Opção para os vegetarianos, a chlorella é um dos poucos alimentos de origem não animal que contém vitamina B12. É também fonte de uma série de outras vitaminas e minerais necessários ao corpo.

Reduz os níveis de colesterol LDL

Nutricionistas apontam que a chlorella previne disturbios circulatórios.

Melhora o sistema imunológico

Tem ação antitumoral, antibacteriana e antiviral. 

Suplementa pacientes com hepatite C

Estudos mostraram que o alimento diminui significativamente os níveis de enzimas hepáticas nos organismos testados.

Desintoxica

A alga unicelular funciona como uma espécie de esponja que limpa o trato digestivo.

Normaliza a função intestinal

As fibras presentes estimulam os movimentos intestinais.

Reduz a pressão arterial

A chlorella é indicada para pessoas hipertensas por conta de suas propriedades antioxidantes.

Reduz a glicemia

Também indicada para diabéticos, a alga auxilia no nivelamento dos níveis de açúcar no sangue.

Estimula a regeneração de tecidos

O alimento é um poderoso aliado na recuperação de contusões, cirurgias e perda de tecidos.

Benefícios para a dieta

A chlorella faz parte do cardápio de muita gente que quer emagrecer pela sua grande quantidade de fibras, o que aumenta a sensação de saciedade e controla a fome. Como as fibras também ajudarão a regular o intestino, naturalmente o corpo não sofrerá com o inchaço da prisão de ventre e eliminará mais toxinas.

 

Os nutricionistas indicam a ingestão de água junto à chlorella para auxiliar no processo desintoxicante. Esse processo não será benéfico apenas na dieta, mas também diminuirá dores de cabeça e sensação de mal estar causada pela toxidade de uma dieta não saudável.

Como consumir a chlorella?

A chlorella é retirada da natureza sob a forma de um caldo verde escuro, e transformada em cápsulas ou pó. Deve ser consumida entre 40 e 60 minutos antes das refeições.

 

A quantidade da alga que deve ser ingerida por dia depende do que cada um busca com a chlorella, portanto aconselha-se o acompanhamento com um nutricionista, mas a média são 3g diárias. A dica é interromper o uso de vez em quando para que o corpo não se acostume e os resultados benéficos desapareçam.

Onde comprar a chlorella?

Existem várias espécies de chlorella que são vendidas, mas a única que contém o valioso CGF (Fator de Crescimento que mantém a saúde do corpo) é a Chlorella Pyrenoidosa. Suas cápsulas podem ser encontradas em farmácias, drogarias e casas de produtos naturais, e custam cerca de R$ 30,00 cada (300 mg).

 

Outra dica é evitar algas prensadas em pastilhas, pois a cola utilizada para selar tal embalagem e a alta temperatura das prensas comprometem os benefícios do alimento. Prefira os produtos cultivados ao sol e em água pura.