Desde 2012 o Crossfit virou febre – essa modalidade começou como tantas outras: lançada por celebridades que viraram adeptas da prática, depois em academias de luxo e agora totalmente difundida. E o mais importante, com resultados!

Conheça os benefícios do Crossfit - A moda que chegou para ficar:

Mas afinal, o que é o Crossfit?

Antes de mais nada, não é uma novidade: o treinamento foi criado na década de 90 nos Estados Unidos, com o objetivo de juntar em uma única modalidade exercícios que combinem benefícios de vários esportes, como musculação, levantamento de peso e ginástica olímpica.

A carga de treinamento é exaustiva, com o objetivo de melhorar o condicionamento físico e com isso, a queima de gordura é uma consequência. O treinamento inclui atividades de alta intensidade, pausas curtas, trabalho de vários grupos musculares ao mesmo tempo – mas tudo isso em um treino curto.

Vale dizer que essa é a regra básica do programa, e o que muda de acordo com o praticante é a carga e a intensidade, mas não o treinamento. Com isso, o esporte se torna bastante democrático para todos, desde atletas profissionais, militares e até idosos ou cardiopatas. Em todo o treinamento há um instrutor, ou “coach”, em inglês, orientando o processo.

Como o corpo reage a prática do Crossfit?

O corpo, exigido ao máximo, gera uma maior resposta neuroendócrina, que basicamente quer dizer uma resposta do nosso corpo frente ao exercício intenso. Essa resposta pode ser queima de gordura, aumento da densidade óssea, aumento da massa muscular, potência, força e equilíbrio, entre outros. E por gerar esse resultado em um espaço curto de tempo, o Crossfit está sendo bem recebido e se tornando bastante popular.

O clima de treinamento também é bem diferente – e há quem diga, para melhor – do que as academias convencionais. Um quadro na parede aponta os resultados de cada participante, de modo que cada um encare si mesmo como um desafio, e dessa forma seja estimulado a ultrapassar sua própria marca.

Crossfit X Dieta Dukan

Quem tem interesse em testar os seus limites não vai se arrepender – o que não faltam são provas de quem já tem resultados visíveis em pouco tempo. Mas fica o aviso: mesmo que a Dieta Dukan tenha como um dos principais pilares a prática de exercício, procure fazer o Crossfit a partir da fase cruzeiro e apenas nos dias PL, ou a partir da fase de consolidação e estabilização, já que o treinamento é muito intenso e o corpo precisa de uma carga de carboidratos para suportar a demanda de energia. Uma consulta ao médico antes de se aventurar nos halteres é bastante recomendada, também!

Você que já praticou crossfit recomenda? Quais foram os seus resultados?